9 destinos para conhecer a Europa sem sair de São Paulo

A alta do dólar e do euro nas últimas semanas têm estimulado muitas pessoas a buscar opções de destinos nacionais, adiando assim a viagem para fora do País. O Hotel Urbano, agência online de viagens líder nacional, pensando em ajudar os viajantes que sonham conhecer a Europa, separou 8 destinos pelo Brasil que vão fazer qualquer um se sentir em países como Suíça, Holanda e Itália.

A diversidade tão famosa da capital paulista também se estende ao interior do Estado. Afinal, além da capital, são centenas de municípios que trazem diferentes influências em suas formações. E a imigração europeia remonta a história de diversos municípios do interior paulista. É o caso de Campos do Jordão, Cunha, Holambra e até um famoso bairro em plena capital do estado. São destinos que trazem na arquitetura, gastronomia, música – e até no sotaque – aspectos muito fortes da cultura e colonização europeia.

Diariamente, o Hotel Urbano oferece mais de 400 mil opções de hotéis e pousadas espalhados por todo o mundo, sendo mais de 8 mil apenas no Brasil. Confira abaixo as dicas do Hotel Urbano (www.hotelurbano.com), para quem quer viajar pela Europa sem sair do Estado de São Paulo:

Campos do Jordão

A pequena Suíça paulista está a 1.600 metros de altitude, sendo o mais alto município brasileiro. É a queridinha das pessoas que amam curtir a experiência de inverno. A cidade, serrana, entranhada na porção paulista da Serra da Mantiqueira, tem paisagens naturais que se assemelham a arquitetura do velho mundo, bem como os restaurantes e atividades culturais. Destaque especial para os hotéis e pousadas com lareira.

Holambra

A cidade, colonizada pelos holandeses em 1948, traz a tradição da floricultura, com flores exportadas para o exterior em grande escala, como begônias, orquídeas, rosas e tulipas 100% cultivadas em solo brasileiro com toque e tecnologias holandesas. Não deixe de conhecer a Casa do Pioneiro, o Moinho Povos Unidos e o Museu Histórico e Cultural de Holambra.

Vinhedo

Nem só de Hopi hari vive essa simpática cidade paulista. Vinhedo possui diversos atrativos turísticos. O Portal dos Imigrantes, localizado logo na entrada da cidade, é um deles. Inaugurada em julho de 1982, é uma homenagem aos imigrantes italianos que se fixaram na região. Quem chega à cidade também se impressiona com a beleza do canteiro de flores localizado na avenida Aparecida Telau Serafim. É um dos mais belos cartões postais da cidade.

Paranapiacaba
É uma vila histórica que pertence à Santo André. No final do século XIX foi ocupada pelos ingleses para a construção da estrada de ferro Santos-Jundiaí.  Você sabia que em Paranapiacaba tem um Big Ben? Não é tão grande como a atração londrina, mas o relógio da Vila de Paranapiacaba, trazido pelos ingleses na construção da ferrovia e da vila, é uma atração que encanta a todos. Já que está cada vez mais difícil ir para a Inglaterra, vale a pena visitar este bucólico lugar tão pertinho.

Cunha

Campos de lavanda que não devem nada aos campos de Provence na França. Em Cunha, o cultivo da planta aromática contribui para a fabricação de produtos de higiene e limpeza,campos vastos, em topologia íngreme, com uma casa provençal ao fundo. Experimente o fim de tarde e contemple o horizonte azulado, perto do lavandário.  Com entrada a R$10, o lavandário de Cunha é florido nos 365 dias do ano.

Pedrinhas Paulista
A bucólica Pedrinhas Paulista tem um encanto serrano que agrada à todos. Essa pequena cidade foi colonizada por italianos, em 1860, construindo um legado arquitetônico-cultural que deixa todos apaixonados. A influência dos fundadores vai muito além da arquitetura. Por lá, é comum, além das festas folclóricas e religiosas, encontrar comemorações no melhor estilo italiano.
Batatais
Cidade com grande tradicionalidade por ter sido um dos focos da imigração italiana. A cultura bem como a arquitetura e os belos jardins são representadas claramente pela influência europeia. Dentre as atrações turísticas, se destaca as obras do pintor Cândido Portinari, com seu maior acervo sacro, entre pinturas e afrescos, está exposto na Igreja Bom Jesus da Cana Verde, centro da cidade.
São Roque
A gastronomia tem seu lugar de destaque, com vários restaurantes especializados em pratos típicos portugueses e cantinas com o puro sabor da Itália, em massas e molhos. Duas vinícolas oferecem visitação com degustação, a Vinícola Bella Aurora, que possui um café com uma das vistas mais bonitas da cidade e a Vinícola Canguera, a mais romântica, com ar intimista e bons vinhos por um valor justo. Não deixe de conhecer seu museu particular do vinho, com maquinário de época e fotos que contam sua história.
Bairro da Mooca (São Paulo)

A capital do Estado não poderia ficar de fora e o bairro da Mooca em São Paulo é dominado pelos italianos – cantinas, lojas, padocas. Algumas atrações que você não pode perder nesse pedacinho italiano no Brasil é o passeio de maria-fumaça, original de 1922, sai da estação da Mooca e percorre três quilômetros em uma viagem de 25 minutos. Outra atração imperdível é a tradizzionale Festa di San Gennaro acontece há quarenta e cinco anos entre setembro e outubro.

0 Comments

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register